Testemunho: Implementação ISO 9001:2015

1.O que potenciou a Sá Miranda, Filhos, Lda. a avançar para implementação, e certificação, de um Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ)?
A Sá Miranda, Filhos, Lda., é uma empresa de estrutura familiar, mas verificávamos a existência de alguma desorganização de trabalho, a que acrescia a visão e perceção de que era preciso diferenciarmo-nos das restantes empresas do mercado.
A implementação e certificação de um SGQ era a solução que nos iria proporcionar mais competências internas; mais organização e, sobretudo, novos clientes com mais responsabilidade.

2.Quais foram os desafios / dificuldades que encontraram na implementação deste projeto?
Numa empresa de estrutura familiar de pequena dimensão, a falta de meios/recursos é sempre um dos principais problemas. No entanto, no âmbito da atividade que exercemos, o principal obstáculo foi a reorganização do espaço laboral e a diferenciação e marcação dos equipamentos dos clientes, pois como efetuamos assistência técnica dispomos de muitos equipamentos que necessitamos organizar.
Ao nível dos recursos humanos também notamos que algumas práticas foram mais difíceis de interiorizar, pois têm o método e a experiência de muitos anos,mas já verificamos uma grande evolução.

3.Que resultados conseguem ver da implementação deste projeto? Quais os benefícios? Consideram que o desempenho da Sá Miranda, Filhos, Lda.,melhorou?
Sim, melhorou. Ao nível das práticas das atividades diárias melhorou imenso, quer pela organização do espaço, que continuamos a implementar, quer pela redução do tempo não produtivo, assim como pela introdução de novas práticas, como por exemplo, o controlo de propostas; o contacto com o cliente; a gestão de eventuais reclamações; o estabelecimento de objetivos; registos que anteriormente não eram efetuados e que agora nos ajudam a ter uma meta e a saber para onde queremos ir.
É bom registar, medir e conhecer. Com um Sistema de Gestão tudo começa a ficar registado, o que nos permite criar um histórico que nos vai ajudar a identificar os problemas e a melhorar o que está menos bem, facilitando, assim, o nosso trabalho.
Depois a nível de imagem externa conseguimos que as empresas olhem para o trabalho da Sá Miranda com mais confiança e credibilidade.

4.Qual a opinião sobre o referencial 9001:2015?
É exigente e dá muito trabalho, mas é positivo exatamente por isso. No caso da Sá Miranda a sua aplicabilidade foi simples e intuitiva e por isso consideramos estar muito bem conseguido.

5.Que orientações, baseadas na vossa experiência, deixariam a uma organização que esteja a pensar avançar com a implementação deste referencial?
O referencial 9001:2015 é sem dúvida uma mais-valia. Quando iniciamos a pesquisa sobre avançar ou não com a sua implementação tínhamos muitas pessoas que nos diziam “ isso não vale a pena” ou “é só para gastar dinheiro”, mas o que fizemos foi olhar para dentro da nossa empresa e ver que tínhamos espaço para melhorar, e uma das formas de melhorar é estruturar uma empresa a partir de algo que nos permite essa melhoria, estrutura e organização.
Era ótimo para o mercado nacional ter mais empresas certificadas a cumprir com os requisitos de satisfação, pelo que, na minha opinião, todas as empresas deviam apostar e investir neste referencial.

6.Como definem a parceria com a Q4E?
A parceria com a Q4E foi uma boa experiência. Considero que a mais-valia da Q4E, além das questões técnicas, é a forma como se entregam e envolvem nos projetos, com um acompanhamento muito próximo e constante, resolvendo com profissionalismo e seriedade todas as questões.

João Miranda - Responsável Dep. Melhoria Contínua

iso9001


Data:
Março 2018

Autor: Q4E

Categoria: Voz do Cliente